FANDOM


Por: Beatriz Bayer, Karina Lemos,Karina Menezes e Leila Lima Bastos.

                                                                                 Sega

      Histórico

·         1940

A Sega é fundada em Honolulu, no Havaí com o nome de Standard Games, por Martin Bromely, Irving Bromberg e James Humpert. O objetivo da empresa é fornecer divertimentos pagos aos soldados das bases americanas na região. Em 1951 a empresa transfere sua sede para Tóquio, no Japão, aonde se mantém até hoje.

·         1965

A Sega e a Rosen Enterprises se fundem para se tornar a Sega Enterprises. Em um ano a empresa lança o “Periscópio” um jogo simulador de submarinos que alcança sucesso estrondoso no mundo inteiro.

·         1969

A Sega é comprada pela Gulf & Western Industries (um conglomerado predecessor da Viacom) e continua a prosperar. Nos arcades, a Sega ficou popular pela criação de Frogger e Zaxxon, sendo necessária sua divisão entre Sega da América e do Japão devido à imensa carga de trabalho.

·         1982

Os lucros das duas divisões juntas somam a bagatela de US$ 214.000.000,00.

·         1983

A Sega lança no mercado o SG-1000, um console que não obtém muito sucesso chegando apenas ao Japão e a Austrália. Nesse período, a Personal Arcade traz ao mercado um console com duas entradas de cartuchos, uma compatível com os jogos da Coleco e outra compatível com o SG-1000. Então, nesse mesmo ano acontece um crash nos games. Perdendo dinheiro, a Gulf & Western vende a divisão americana da Sega para a Bally Manufacturing Corporation. A Sega Japão é comprada por 38 milhões de dólares por um grupo de investidores liderados por David Rosen (proprietário da Rosen Enterprises) e Hayao Nakayama, um empresário japonês, antigo proprietário de uma das empresas compradas por Rosen, Nakayama se torna o novo CEO da Sega, e Rosen assume a direção de sua subsidiária nos Estados Unidos.

·         1984

O conglomerado japonês CSK compra a Sega, e a renomeia para Sega Enterprises Ltd. Com sede no Japão, e dois anos depois, suas ações estão sendo negociadas na Bolsa de Valores de Tóquio. Neste ano nasce o SG-1000II, o console apresenta algumas diferenças, entre elas a possibilidade de adaptar um teclado ao console, além disso, apresenta o CardCatcher: Acessório adicional para que o videogame leia cartões.

A Sega lança então os consoles:

·         SG-1000 Mark I

·         SG-1000 Mark II

·         SG-1000 Mark III (ou Master System)

·         1986

A Sega lança Alex Kidd, um garoto pequeno com longas orelhas, ligeiramente parecidas com as de um macaco. Usa um macacão vermelho e amarelo e tem mãos extremamente grandes. Alex Kidd fez bastante sucesso, se tornando o primeiro mascote da empresa.

·         1991

A Sega lança Sonic, um dos maiores sucessos da empresa e um clássico até a atualidade. Sonic é o sucessor de Alex Kidd como mascote e maior símbolo da marca. Ainda em 1991, investindo no sucesso dos arcades, lança Time Travelers, jogo inspirado no velho oeste com atores reais. As imagens são reproduzidas por uma tela e refletidas por um espelho curvo sobre a área de jogo, criando a falsa impressão de holograma. A tecnologia é muito cara e a jogabilidade possui problemas, suspendendo assim os investimentos nessa linha.

·         2004

A Sammy assumiu o controle majoritário da Sega sob um custo de 1.1 bilhão de dólares, criando a nova companhia denominada Sega Sammy Holdings, agora uma das maiores desenvolvedoras de jogos do mundo.

·         2013

A Sega anuncia que comprará a falida Index Corporation, proprietária da desenvolvedora japonesa de jogos Atlus. A negociação é concluída em 1 de novembro de 2013, com a marca tendo sido comprada por 14 bilhões de Ienes (cerca de R$ 316 milhões).

A Sega desenvolveu um grande número de consoles:

·         Sega SG-1000 O primeiro console da Sega.

·         Sega SC-3000 Um computador baseado no SG-1000.

·         Sega Master System/Sega Mark III: Um console que concorria com o NES da Nintendo. Foi o primeiro "BOOM" dos videogames principalmente na América do Sul, onde a popularidade era maior com o Atari. Após o lançamento do NES e do Master System as coisas no mundo de games começaram a mudar e aí foi o início de uma nova tecnologia.

·         Sega Master System II: Uma versão mais barata

·         Sega Master System III Compact: Uma versão menor

·         Sega Master System Super Compact: Uma versão muito pequena

·         Sega Master System III/Master System III Collection: Duas versões que continham 112 ou 131 jogos na memória, mas não tem entrada para cartuchos; a primeira só foi lançada no Brasil e a segunda possui o mesmo tamanho que o Master System III Compact, mas as cores mudam

·         Mega Drive/Sega Genesis: O mais bem sucedido console da Sega, que concorria com o SNES da Nintendo. A chuva de jogos para os dois foram intensas. Versões de clássicos de Arcades e novas tecnologias (como cartuchos de 24 Mega) foram fundamentais para um longo reinado dos dois consoles principalmente no caso do Mega Drive que ganhou o Sega CD e o Mega 32X (esse último fazia um upgrade de 32 Bits ao Mega Drive e Sega CD).

·         Sega Genesis 2: Uma versão mais barata

·         Sega Genesis 3: Uma versão mais barata

·         Sega Mega Drive 2: Uma versão mais barata

·         Sega Mega Drive 3: Uma versão mais barata, tendo duas versões; a que continha 81 jogos na memória, sem entrada para cartuchos e a que tem entrada para cartuchos e sem jogos na memória

·         Super Mega Drive 3: Uma versão que vem com 10 ou 43 jogos na memória, sem entradas para cartuchos

·         Blaze Sega Mega Drive: Com entrada para cartuchos e com 15 jogos, incluindo o Sonic The Hedgehog

·         Novo Mega Drive 3: Um Mega Drive que tinha dois designs diferentes, mas fora isso, ambos possuíam 86 jogos na memória e ambos não tinham entrada para cartuchos

·         Sega Game Gear: Um videogame portátil que possuía jogos exclusivos e um adaptador para jogos do Master System.

·         Sega CD/Mega CD: Sistema de Multimídia para o Mega Drive. Uma novidade para a época: jogos deixaram de ser fabricados em Cartuchos e se tornaram CD. Mais capacidade de armazenamento e possibilidade de jogos interativos com cenas de filmagens reais. Isso fez com que todo mundo que tinha um Console Genesis/Mega Drive quisesse um Sega CD. Era tecnologia e novidade total, fora ao se comparar com o 3DO da Panasonic.

·         Sega 32X: Upgrade para o Genesis, de alto custo, os lançamentos simultâneos de consoles de 32-bits quebraram tanto o lançamento como a venda promissora do periférico, pois foi lançado tecnicamente junto com o Sega Saturn. Na verdade o 32X era uma opção para quem ainda não comprasse o Sega Saturn. Mas assim como o Saturn, o 32X não teve muita vida, pois não teve investimento de jogos lançados. Havia sim uma boa qualidade de potência, mas não foi bem utilizada.

·         Sega Neptune: Híbrido do Mega Drive com o 32X, nunca passou dos protótipos.

·         Sega Mega Jet: Mega Drive portátil lançado para uso nas aeronaves da Japan Airlines e posteriormente vendido ao consumidor final.

·         Sega Pico: Um computador educacional.

·         Sega Nomad: Mega Drive portátil, lançado apenas nos Estados Unidos.

·         Sega Saturn: Console de 32 bits que fez muito sucesso no Japão, criado para competir com o PlayStation da Sony e o Nintendo 64, e acabou se tornando mais popular que o Mega Drive neste país. Console poderoso, mas devido à dificuldade de se programar jogos para ele não se achava jogos facilmente ou demorava muito para o lançamento dos títulos, não se desenvolvia jogos com frequência (como era no caso do Master System, Mega Drive e Sega CD). Assim sendo, o Saturn obteve um sucesso mínimo, tinha um hardware poderoso para a época, mas igual ao 32X não foi aproveitado à capacidade como deveria.

·         Dreamcast: O último console lançado pela Sega que foi descontinuado em março de 2001 nos EUA, videogame de 6ª geração, criado para competir com o PlayStation 2, o Nintendo Game Cube e o Xbox da Microsoft, vendendo cerca de 10,6 milhões de unidades. No Japão, permaneceu até 2006.Um de seus últimos jogos foi o segagaga,um jogo aonde o jogador deve impedir a falência da empresa.

·         Sega Mega Drive Handheld: Um Mega Drive portátil, com 20 jogos na memória, mas não possuía entrada para cartuchos.

Panorama Atual

A SEGA Sammy Holdings anunciou todos os resultados de seu ano fiscal com uma boa notícia durante todo ele, com exceção de apenas uma divisão. Os bons resultados vêm depois de um agitado ano de 2013 para o grupo, em que a SEGA fez uma reestruturação de seu negócio principal, a compra de duas desenvolvedoras de alto perfil, o desenvolvimento de grandes complexos de resort e expansão de algumas de suas equipes de desenvolvimento do núcleo. O grupo também viu crescimento ano após ano para o lucro líquido.

A divisão de consumo da SEGA teve uma série de grandes lançamentos em relação ao ano passado, mas apenas uma conseguiu quebrar a marca de um milhão de unidades vendidas. O mais recente título da franquia Sonic the Hedgehog parece ter tido as piores vendas da franquia principal até o momento.

O título da SEGA mais vendido para o ano fiscal foi o The Creative Assembly, o Total War: Rome II. O título conseguiu vender 1.13 milhões de unidades, tornando-se o título de vendas mais rápido da franquia Total War. Em seguida vem o Football Manager 2014, que vendeu 790 mil unidades, o que torna o segundo título de vendas mais rápido da série (detalhe para o lançamento do título para o Play Station Vita que não está incluso no relatório, já que o mesmo foi lançado em abril de 2014).

                                                                                 Nintendo

·         1889

Em 23 de setembro Yamauchi Fusajiro fundou a empresa Nintendo Koppai, na cidade de Kyoto. Inicialmente essa empresa era apenas produtora de Hanafudas, um baralho japonês composto por 48 cartas com ilustrações da flora regional. Dividida em 12 grupos, cada um representa determinado mês do ano. Até hoje a Nintendo produz essas cartas como forma de manter intacta a sua origem.

·         1950

Com um estilo agressivo de gerenciamento de negócios, o então presidente Hiroshi modernizou e alavancou a empresa. Fez com que a empresa fosse a primeira a ter sucesso na produção em massa de cartas no Japão.

Em 1956, o empresário fez um visita aos Estados Unidos para conhecer a United States Playing Card Company. E neste mesmo ano fechou uma parceria com a Disney confeccionando cartas baseadas nos personagens de Walt Disney.

·         1960


Neste momento Hiroshi tentou obter sucesso em outras áreas, no ramo alimentício e no do entretenimento com a TV. O que levou a empresa quase a falência.

·         1970


Em meados da década de 70 a empresa começa a perder mercado na fabricação das cartas para os jogos eletrônicos.  Assim a Nintendo altera seu nome mais uma vez, desta vez para Nintendo Company e começa a fabricação de jogos, além dos baralhos.

Em parceria com o criador Gunpei Yokoi, a Nintendo dava início à sua era digital. Ainda de olho neste mercado, a Nintendo expande seus interesses fechando uma parceria com a Magnavox. Neste momento a empresa deixa de produzir somente jogos e passa a comercializar uma versão de console, Odyssey. O console não vendeu tanto quanto o esperado. Então,  a Nintendo investiu, em parceria com a Mitsubishi, em um console mais atrativo, o Color- Tv Game 6. Um "telejogo" que trazia seis variações do Pong em sua memória.

·         1980

A partir da década de 80, a Nintendo alcançou o mercado americano e modernizou seus produtos. O designer Gumpei criou assim a maior febre do início do século, o Game e Watch. Um portátil com tela de LCD que continha um jogo, relógio, alarme e funcionava a bateria. Mais tarde o mesmo, criou o Game Boy.

No meio da década de 80, a empresa desembarca nos EUA como Nintendo Entertainment System, e mais tarde o "Nintendinho" no Brasil. Era compacto e possuía o famoso Joystick. A partir dele surgiram várias franquias mais célebres como a Zelda, Donkey Kong, Metroid, Kirby e Mario e sua turma.

·         1989

No final dos anos 80, a Nintendo lança neste momento o Game Boy mais famoso, a franquia Pokémon. É neste cenário que a empresa observa seu primeiro grande concorrente, a SEGA. Com seu Mega Drive, as duas empresas lutam pelo domínio de mercado dos anos 90.

·         1990

Em 1995, surge o segundo console da Nintendo, o Nintendo 64. A Sony gigante no mundo de tecnologia, foi a principal concorrente da marca neste momento. Lançou o PlayStation, usando CDs aos invés de cartuchos como a Nintendo, o console 64 perdeu seu lugar no ranking e passou a ocupar a terceira posição.

·         1998

Em 1998, lança-se o Game Boy Color, contendo um hardware mais poderoso e áudio melhor que seus antecessores. Esta versão vendeu mais de 50 milhões de unidades e contou com cerca de 230 jogos exclusivos.

·          2000

A Nintendo lançou em 2001 o sucessor do N64, o Nintendo           GameCube. Em formato de cubo, foi o primeiro console da empresa que        trabalhava com mídia ótica e utilizava um mini-cd. Além de constar com   um joystick vibratório e de fácil adaptação às mãos dos jogadores.

Em 2004, foi apresentado aos consumidores o novo console portátil, o Nintendo         DS. Com um conceito inovador, o game vinha com duas telas sensíveis           ao toque, console dobrável, microfone, bateria recarregável e grande   capacidade gráfica.

Em 2006, cria-se o Wii, um console onde a grande atração      é o joystick sem fio que tem a capacidade de jogar com os movimentos   do próprio usuário. O controle também é capaz de vibrar, soltar sons e      pode ser adaptado a vários acessórios.

Anuncia-se o lançamento oficial do Nintendo 3DS, o novo videogame           que utiliza uma tecnologia que permite a visibilidade do efeito 3D sem a utilização dos óculos especiais. Apresenta 3 câmeras, duas na parte externa (que tiram fotos em 3D) e uma na parte interna.

Sega + Nintendo

A Nintendo anunciou uma parceria com a Sega para o lançamento  de três jogos na série Sonic exclusivos do Wii U e 3DS. Apenas dois deles foram revelados. O primeiro é o Sonic: Lost World, que foi descrito como um título de plataforma, ação e aventura. O Segundo será Mario & Sonic at the Sochi 2014 Olympic Winter Games.

Ad blocker interference detected!


Wikia is a free-to-use site that makes money from advertising. We have a modified experience for viewers using ad blockers

Wikia is not accessible if you’ve made further modifications. Remove the custom ad blocker rule(s) and the page will load as expected.